terça-feira, 31 de julho de 2012

MENSAGEM DO DIA

"Não acredite em algo simplesmente porque ouviu. Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito. Não acredite em algo simplesmente porque esta escrito em seus livros religiosos. Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração. Mas depois de muita análise e observação, se você vê que algo concorda com a razão, e que conduz ao bem e beneficio de todos, aceite-o e viva-o".
(Buda

Hidrolândia-Ce, 31 de Julho de 2012.

TEXTO DO DIA


Corte a corda, meu filho

Esta é uma história de um alpinista que sempre buscava se superar em seus desafios. E depois de muitos anos de preparação, resolveu escalar um dos montes mais altos de seu país.
Mas ele queria essa glória sozinho e resolveu escalar o monte sem nenhum companheiro.
Começou a subir e foi ficando cada vez mais tarde.
Ele não havia se preparado para acampar e resolveu continuar a escalada, decidido a atingir o topo da montanha.
Escureceu e a noite caiu como um breu e nas alturas não era possível enxergar um palmo à frente do nariz. Não se via absolutamente nada. Tudo era escuridão e nem havia lua e estrelas, que estavam cobertas pelas nuvens.
Quase no topo, a apenas cem metros, ele escorregou e caiu... Caía a uma velocidade vertiginosa. Somente conseguia ver as manchas que passavam cada vez mais rápidas e sentia a terrível sensação de ser sugado pela força da gravidade.
Ele continuava caindo. E nesses angustiantes momentos, passavam por sua mente todos os acontecimentos felizes e tristes que já havia vivido.
De repente, ele sentiu um puxão forte que quase o partiu pela metado. Como todo alpinista experiente, havia cravado estacas de segurança com grampos a uma corda comprida que fixou em sua cintura.
Nesses momentos de silêncio, suspenso pelos ares na completa escuridão, não sobrou para ele nada além de gritar:
- Meu Deus, me ajude, por favor!
- De repente uma voz grave e profunda, vinda do céu, respondeu:
- O que quer de mim, meu filho?
- Me salve, por favor, meu Deus!
- Você realmente acredita que eu possa te salvar?
- Eu tenho certeza, meu Deus.
- Então corte a corda que te mantém pendurado.
Houve um momento de silêncio e reflexão. O homem se agarrou ainda mais à corda e pensou que, se soltasse, morreria.
Dois dias depois uma equipe de resgate encontrou um alpinista congelado, morto, agarrado com força e com as duas mãos a uma corda, somente a dois metros do chão!
E você? Está segurando firme a sua corda? Por que não a corta?

Contestualizando

Qual sua corda que está lhe prendendo, segurando?
É a corda do medo de mudar?
É a corda do medo de inovar?
Quebre a mesmice, rompa o comodismo , dê o grito de liberdade, arrisque, acredite, confie em si e nos outros, temos um grande espaço, que nos pertence, vamos cortar a corda e conquistar esse espaço, se soltar, libertar das carapaças, dos hábitos repetitivos, das situações as quais nos acomodamos, situações que estão desgastadas, nada mais tem a oferecer. Porque não mudar tais situações? Precisamos de gente que tenha boas idéias, gente que inove, gente que mude, chega, o povo está cansado, está com sede de liderança, sede de pessoas que tenha atitude e faça a diferença, pois vamos escolher uma pessoa para o nosso parlamento ou melhor para a câmara de vereadores de Hidrolândia, uma pessoa portadora dessas qualidades, que na sua história de vida já tem provado que fez a diferença, que é inovadora, que tem coragem, que sempre semeou boas sementes, este homem é Dr. Antonio Branco com o nº (65555).

Pense nisso!
Compartilhe!
Dr. Antonio Branco.

Hidrolândia-Ce, 31 de Julho de 2012.



segunda-feira, 30 de julho de 2012

MENSAGEM DO DIA

" Vire a página. Dê um ponto final nas coisas que te fazem mal. A vida é um círculo, não um quadrado. Tenha pressa de ser feliz, por que nós não sabemos quanto tempo nos resta".
(Padre Fábio de Melo)


Hidrolândia-Ce, 30 de Julho de 2012.

TEXTO DO DIA


DEMOCRACIA

Democracia é o governo do povo pelo povo e para o povo.
Dizem que somos um país democrático. Será que somos mesmo?
Como podemos ser um país democrático se na época da eleição boa parte dos votos são comprados?
Que democracia é essa se deputados e senadores, a maioria pertence a classe rica?
Se é democracia por que os pobres quando se candidata algum cargo eletivo, a grande maioria não consegue se eleger?
Na prática democratica a decisão seria votar conscientemente e espontâneamente.
Mas infelizmente na prática durante a campanha até o dia da votação acontece de tudo, especialmente na cidade do interior. Não existe uma moeda padrão para comprar o voto, vale tudo, embora seja ilegal, mas tornou-se cultural, pois compra-se o voto utilizando várias estratégias, por exemplo: dando dentadura, óculos, pagando conta de luz e água, dando material de construção, dando peça de moto, prometendo emprego e outros, tudo feito as escondidas para evitar flagrante, uma vez que é ilegal.
Ora, com essa prática corrupta a nossa democracia fica altamente comprometida pois após as eleições quem for eleito dificilmentevai ser pelo povo e para o povo.
Eu particulamente espero que vote em mim e para um melhor desenvolvimento de nosso município, com base em minhas propostas e pela minha história, assim irei ser pelo povo e para o povo (vê blog) http://hidrolandiaceemfocodrantoniobranco.blogspot.com.br/p/proposta-de-campanha.html.

Pense Nisso!
Compartilhe!
Dr. Antonio Branco

Hidrolândia-Ce, 30 de Julho de 2012.