sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Hidrolândia esta entre as cidades no Programa Água Para Todos

O Governo do Estado do Ceará, através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), realizou nesta quinta-feira (19) solenidade de assinatura de ordem de serviço para autorizar o início das obras de 104 sistemas de abastecimento d'água, que serão executadas através do Programa Água para Todos, parceria entre o Estado e o Ministério da Integração Nacional. Durante o evento, o governador Cid Gomes destacou que a meta é universalizar o acesso à água em todos os municípios cearenses até o fim do próximo ano.

Houve também a liberação de diversos projetos produtivos beneficiando as cadeias da ovinocaprinocultura, pecuária leiteira, apicultura, mandiocultura, implantação de Mandallas, entre outros. Todos tem a parceria com o Governo Federal.

Água para Todos

As obras contarão com investimento de R$ 14,667 milhões e atenderão comunidades dos municípios de Acaraú, Aratuba, Banabuiú, Bela Cruz, Canindé, Cariré, Caucaia, Choró, Crateús, Forquilha, Frecheirinha, Graça, HIDROLÂNDIA, Horizonte, Ibaretama, Ibiapina, Independência, Ipu, Itapiúna, Jaguaribe, Martinópole, Mombaça, Mulungu, Novo Oriente, Pacajus, Poranga, Paramoti, Pedra Branca, Piquet Carneiro, Quixadá, Quixeré, Russas, São Benedito, Sobral e Ubajara. “Nossa orientação para as empresas é que as obras comecem o mais breve possível, e esperamos entregar esta etapa até o final do primeiro semestre”, afirmou o secretário Nelson Martins.

Ainda pelo Programa Água Para Todos, outros 160 projetos de abastecimento d'água, que também já foram liberados, estão em fase de licitação. O Programa Água para Todos prevê a construção de 1350 sistemas de abastecimento.

“O Programa Água Para Todos também faz parte da política do Estado do Ceará de universalizar o abastecimento d'água até o final de 2014 e a nossa política de recursos hídricos tem recebido o reconhecimento inclusive do Ministério da Integração Nacional”, afirmou o governador Cid Gomes.

Cisternas de polietileno

Na ocasião, também foi entregue o certificado de universalização das cisternas de polietileno ao município de Quixelô, onde foram implantadas 895 cisternas no município, com investimento de R$ 4,638 milhões, também dentro do Programa Água para Todos que tem como meta a instalação de 14.228 desses equipamentos.

Para a Prefeita do município, Fátima Mourão, a implantação dos equipamentos representa a realização de um sonho para as comunidades do município. "Essas cisternas vão garantir o direito a água para as comunidades de Quixelô, que não vão mais depender de carros-pipa", comemorou a gestora.

O governador Cid Gomes também autorizou a realização do trabalho de ação social para a implantação de mais 19.380 cisternas de polietileno, nos municípios de Amontada, Bela Cruz, Cedro, Fortim, São Gonçalo do Amarante, Trairi, Várzea Alegre e Viçosa do Ceará, no valor de R$ 2,76 milhões. Cada município terá um Comitê Municipal dos Água para Todos, que vai  indicar as comunidades que deverão receber as cisternas.

São José III

Foi assinado pelo Governador Cid Gomes o edital de R$ 30 milhões para investimentos em projetos produtivos através do Projeto São José III. “Depois que o edital for publicado no Diário Oficial as associações deverão apresentar manifestações de interesse para que sejam elaborados futuros planos de negócios”, informou o coordenador da Unidade de Gerenciamento de Projetos da SDA, Josias Farias Neto.

Já estão classificadas 80 manifestações de interesse para o primeiro edital de projetos produtivos, lançado em novembro deste ano que vai investir R$ 14 milhões em projetos nas cadeias produtivas da Ovinocaprinocultura, Apicultura, Piscicultura e Agricultura Familiar com inovação tecnológica. “O próximo passo é a elaboração dos planos de negócios e para isso, já estamos selecionando os especialistas”, afirmou Josias.

Convênios

Junto com o Ministério da Integração, o Estado, através da SDA, vai desenvolver projetos produtivos nas cadeias da mandiocultura, apicultura e ovinocaprinocultura leiteira, além do Projeto Repalma, que vai incentivar a produção de palma forrageira como alternativa de reserva alimentar para os rebanhos bovino e ovinocaprino, e para a aquisição de kits de irrigação para os investimentos na agricultura familiar.

"Nós estamos desenvolvendo importantes tecnologias para garantir o melhoramento genético do nosso rebanho para efetivamente melhorar a qualidade do leite e da carne que são produzidos no Ceará", afirmou o governador.

Cid Gomes destacou também o empenho do Governo do Estado em buscar recursos junto ao Governo Federal e as instituições financeiras internacionais. "Estamos conseguindo mudar a realidade da zona rural cearense, e a nossa maior realização será ver o homem do campo terá como ter trabalho e renda e vai gerar desenvolvimento para a nossa zona rural", afirmou o governador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário